BLOG

  • Existe alguma relação entre a má postura e a oclusão?

    má postura e oclusão
    Segundo o jornal O Tempo, de Minas Gerais, as dores musculares e dores nas costas atingem oito entre dez pessoas no mundo todo. O principal motivo – apontado pelos especialistas –, é a má postura. A pesquisa “A Dor no Cotidiano”, promovida pela Advil, em parceria com o Ibope, entrevistou mais de 1.900 brasileiros, e constatou que 58% deles acreditam que a falta de postura causa a dor nas costas. E se as dores não fossem o único problema em andar, sentar e se locomover de forma inadequada? Um cirurgião ortopédico francês chamado Bernard Bricot se dedica há alguns anos a estudar a postura corporal, a locomoção, o equilíbrio e algumas de suas relações com os outros sistemas do corpo. Um de seus estudos, que construía a relação direta entre oclusão dentária e postura se alastrou pelo Brasil, principalmente entre dentistas especialistas e fisioterapeutas. Várias investigações foram realizadas desde então, e os métodos científicos mais modernos concluíram que, cientificamente, essa associação não existe. Dessa forma, instaurou-se a polêmica. De um lado, profissionais que defendiam a visão de Bricot, e de outro, quem afirmava que a ciência não oferece amparo suficiente para confirmar essa ideia, tornando-a apenas um mito. A verdade é que a oclusão a qual esses trabalhos estão se referindo diz respeito a gnatológica, ou seja, as más oclusões segundo as classes de Angle. Esse tipo de oclusão também já foi apontado como um dos motivos da DTM e a ciência mostrou estar errado. Dessa maneira, foi possível afirmar que, de fato, não há relação científica entre a oclusão gnatológica e a postura. Mas os questionamentos não param por aí. A julgar pelo caráter evolutivo, à medida que a postura humana era alterada ao longo do tempo, a estrutura da cabeça precisou acompanhar o ritmo, a fim de manter o equilíbrio do corpo. Esse processo provocou também modificações nos maxilares, nas vias aéreas e vias neuromotoras. As mudanças originaram a incorporação do sistema mandibular na parte pré-cervical do sistema postural. E o maxilar inferior se transformou em um componente estrutural do mecanismo de postura da cabeça, além de servir para esmagar os alimentos. Por consequência, o caminho das vias aéreas também precisou se modificar para manter a nova angulação da cabeça e recuar para acomodar os maxilares mais curtos, causando uma relação com a articulação temporomandibula. A ciência atual já encontrou novas evidências quanto a relação das vias aéreas e da ATM em referência à postura do corpo. Já foi constatado, por exemplo, que a mandíbula é parte integral do sistema postural. Ela promove movimentos compensatórios no decorrer do deslocamento, em que a condição da ATM e a relação muscular com o osso hióide, interferem na respiração, na força cervical e na capacidade motora. Muitos profissionais percebem no dia a dia clínico, uma relação entre a oclusão e a postura. Isso se deve ao fato de que muitas dessas más oclusões são consequências de patologias da ATM e de alterações das vias aéreas. São elas as verdadeiras causas das mudanças e problemas posturais. Um bom exemplo para explicar essa percepção, são os retroposicionamentos condilares traumáticos e processos degenerativos articulares. Eles podem produzir má oclusão de classe II, em função da retrusão mandibular. Consequentemente, pode afetar as vias aéreas e obstruções nasais. A respiração bucal pode ser prejudicada, e pode acontecer uma má oclusão do tipo mordida aberta anterior. Apesar dos constantes casos clínicos que apresentam essa relação, é preciso entender que a má oclusão em si é apenas mais uma consequência e não a causa da situação. Em conclusão, vale ressaltar que todo caso depende de uma avaliação, para entender os ascendentes e descendentes, os quais devem ser amplamente considerados, tento em vista as condições da ATM, vias aéreas e da posição ortopédica da mandíbula. E não esquecer da importância em tratar sempre a causa, para que assim, as consequências possam não aparecer e nem prejudicar os pacientes. FONTES: Jornal O Tempo Artigo: Dental malocclusion and body posture in young subjects: a multiple regression study Artigo: Avaliação da postural corporal associada às maloclusões de Classe II e Classe III Sorrisologia Instituto Internacional da Neurofisiologia e Patologia da ATM

    Facebook Comments